WEBRADIO-24.COM

terça-feira, 4 de julho de 2017

ALL 4 1 - The World's Best Hope (2017) USA



Quando se junta um cantor incrível como Terry Brock (Strangeways, Giant), o guitarrista Gary Pihl (Sammy Hagar, Boston) e o baixista Robert Berry (Hush, Alliance) o resultado só poderia ser excelente: é isso que acontece com ALL 4 1 e seu incrível Melodic rock / AOR no álbum de estreia "The World's Best Hope".
Esteja preparado para um conjunto de canções melodiosas, imensamente melodiosas com pouca ostentação, ainda assim de grande qualidade.
Estes músicos funcionam muito bem musicalmente e eles aparecem com um soberbo álbum de estreia que mistura momentos mais melódicos de Mr. Big juntamente com partes de teclado e vocais AOR compartilhados por Brock / Berry com as semelhanças óbvias de Strangeways e Alliance.
Eles são perfeitamente complementados pela excelente produção de Alessandro Del Vecchio (que também toca teclados e backing vocals).
All 4 1 tem os elementos essenciais do Melodic Rock / AOR: melodia contagiante na composição, harmonia nas linhas de guitarra e arranjos vocais, batendo o pé ao ritmo e groove do baixo e bateria, doces e grandes solos de guitarra, ganchos em melodias e refrões, e fortes vozes limpas.
No lado rock temos 'After The Rain', 'Cyanide' e 'Never Back Down' são temas super cativantes e quentes. Algo para o lado mais AOR olha para 'Down Life's Pages', 'Walk Alone' (com um estilo Journey), e o super Groovy midtempo 'Show Me The Way'.
Eles chegam com 'Don't Surrender (To Love)' para uma balada cristalina, e o sentimental e apaixonado 'Mother Don't Cry' conduzido por uma linha de piano doce e um arranjo vocal absolutamente arrepiante. Hino AOR ou balada do ano? Possivelmente.
Evitando um AOR vulgar, ALL 4 1 e "The World's Best Hope" é uma fantástica colecção de canções que, obviamente, foram afinadas durante algum tempo, este não é apenas um 'projeto' com canções juntas á última da hora.
Terry Brock é um vocalista de AOR por definição, e quando se junta uma outra segunda voz talentosa e doce como a de Robert Berry, as harmonias em camadas são de morrer.
Um dos melhores álbuns do ano no estilo, com certeza.





Temas:
01. After The Rain
02. Cyanide
03. Down Life’s Page
04. Mother Don’t Cry
05. Show Me The Way
06. Walk Alone
07. Don’t Surrender (To Love)
08. Hero In Your Life
09. Never Back Down Again
10. Who Knows
11. The World’s Best Hope
12. Mother Don’t Cry (acoustic) [Japan bonus]
Banda:
Terry Brock (Strangeways, Giant) – lead & backing vocals
Robert Berry (Hush, Alliance) – lead & backing vocals, bass
Gary Phil (Boston, Alliance, Sammy Hagar) – guitars
Matt Starr (Ace Frehley, Bang Tango) – drums
Alessandro Del Vecchio (Hardline, Jorn) – keyboards, backing vocals








Sem comentários: